Rótulo nutricional
Rótulos de alimentos: lendo as embalagens
3 de maio de 2017
Comunicação Empresarial
Evite erros na Comunicação Empresarial
5 de maio de 2017
Mostrar tudo

Rótulo ou Gravação na Embalagem

rótulo ou gravação

Uma das dúvidas mais freqüentes quando se define a embalagem para um produto é como imprimir o texto. Fazer rótulo ou gravação no frasco, o que é mais barato e mais rápido? O que é melhor?

Em ambos os casos existem vantagens e desvantagens. No caso do rótulo a vantagem é o visual, a possibilidade de uso de várias cores, imagens, brilho. Outra vantagem é poder fazer a decoração do frasco, de acordo com a necessidade de momento da produção, considerando que o frasco é normalmente comum a vários produtos e o rótulo específico. Como desvantagem temos o preço e a quantidade mínima de compra dos rótulos estabelecida pelos fabricantes.

A gravação também tem vantagens, porém muito mais desvantagens. Como vantagem, tem o preço menor que o do rótulo, exceto quando se exagera na quantidade de cores, e pode sair mais caro que o rótulo. Outra vantagem é a quantidade mínima de compra. As gravadoras não exigem grandes quantidades, por essa razão, as empresas de pequeno porte, ou produtos de pouca vendagem nas empresas de grande porte, são gravados e não rotulados.

Como desvantagem temos a aparência. Também nesse caso, se não for uma boa gravação, não se consegue fazer a leitura do código de barras. Outra desvantagem é ter de gravar previamente os frascos e assim armazená-los gravados, além disso, ainda é o pequeno número de gravadoras existentes no mercado, comparadas aos fabricantes de rótulos.

Rótulo ou gravação, o importante, antes de se definir por um ou outro, é visitar o fornecedor, saber para quem ele fabrica. É preferível que já fabriquem para alguma empresa de cosméticos. Normalmente, as empresas que fabricam frascos fazem a gravação, mas também existem empresas que só fazem a gravação, sem produzir o frasco – as gravadoras.

No caso da gravadora, deve-se verificar, principalmente, se esta tem o equipamento para fazer a flambagem – sistema usado para abrir os poros das paredes dos frascos antes da gravação. Um frasco não flambado vai soltar a gravação . Isso vai acontecer na mão do consumidor após algum tempo de uso do produto.

Um aspecto importante é quanto informar o material de composição do frasco (PP, PE, PVC, PET etc) ao fabricante do rótulo. O material do rótulo e também o tipo de adesivo a ser utilizado no liner (fita sobre a qual vêm fixados os rótulos) são selecionados em função do material de composição do frasco. O BOPP (polipropileno bi-orientado) é hoje o material mais usado na composição de rótulos, pela sua transparência, brilho, facilidade de aplicação etc. Outras opções são papel, PE, PP, vinil etc. Podem ser auto-adesivos ou não.

A área de aplicação disponível no frasco deve ser cuidadosamente avaliava, sob pena de se posicionar o rótulo numa curva, rebaixo ou relevo da parede do frasco e não se conseguir a aderência desejada.

Se sua opção for por rótulos temos a solução ideal para você, contate-nos:

Se gostou, compartilhe!Share on Facebook22Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn1Share on Tumblr1Pin on Pinterest1Share on StumbleUpon1Digg thisShare on Reddit1Email this to someone

Os comentários estão encerrados.